Blog da ESSOR

Por que monitorar o comportamento dos motoristas nas estradas?

Por que monitorar o comportamento dos motoristas nas estradas?

12 de dezembro de 2019

Monitorar o comportamento dos motoristas nas estradas faz parte da gestão da mobilidade de frotas e deve ser uma das principais preocupações de uma empresa. Um dos maiores responsáveis pelo transporte correto dos passageiros é o motorista.

Muitos gestores ainda se questionam como ter uma gestão qualificada da frota e do comportamento do motorista poderia potencializar os resultados da empresa.
A verdade é que monitorar o motorista proporciona resultados muito mais eficientes. Controlar a sua ação no volante reduz custos, evita acidentes e potencializa a lucro final.

É preciso entender que todas as ações dos motoristas impactam diretamente nos resultados da empresa e nos custos operacionais. Desta forma, qualquer decisão tomada a bordo pelo trabalhador impacta na qualidade do serviço logístico.  Outro ponto relacionado ao comportamento do motorista ao volante é a sua incidência ambiental. Isto é, quando o motorista tem atenção e sabe fazer uso das funcionalidades do veículo ele reduz o impacto negativo na natureza.

Considerando os aspectos citados anteriormente, pode-se compreender a necessidade de manter olhos abertos ao comportamento dos motoristas de frotas.

O controle correto dos parâmetros permite reduzir o número das acelerações, frenagens bruscas, velocidade elevada, guinadas excessivas, uso de dispositivos móveis, entre outros. Como consequência, é possível diminuir as
chances de acidentes durante operações.

Uma das formas mais adequadas de controlar o comportamento das pessoas dentro dos veículos é mediante a colocação de equipamentos que permitam conhecer o que ocorre, em tempo real, durante as entregas. O uso de câmeras e de aparelhos de telemetria pode ser uma ótima pedida.

Benefícios em monitorar o comportamento do condutor

Muitos benefícios podem ser alcançados quando ocorre o devido monitoramento do comportamento do motorista. Uma das principais vantagens é a diminuição de custos. Esse resultado é obtido graças à economia de combustível. O controle em tempo real mais estrito diminui a ocorrência de aceleradas e outras ações que impactem na durabilidade das peças do veículo.

Outro benefício do controle de comportamento do motorista é o respeito às leis. Seja no intuito de reduzir multas, seja com o objetivo de diminuir as infrações. Bem como manter o controle do comportamento mediante o uso de um sistema de roteirização. Esta favorece a verificação de desvios na rota prevista.

Ao fazer uso de tecnologias que possibilitem o controle do comportamento do motorista a bordo do veículo, as empresas conseguem diminuir os custos. Além de potencializar a qualidade de serviço prestado e, assim, otimizar os lucros da sua operação.

Fonte: https://www.busvision.com.br/

Compartilhar via:

Posts Relacionados

Seguro Garantia Digital na prática: orientações para Corretores de Seguros
18/06/2021

Seguro Garantia Digital na prática: orientaçõ...

Disponível no catálogo de produtos desde fevereiro de 2021, o Seguro Garantia Digital trouxe ganhos em […]

Leia mais...
Construção Civil: um incentivo às startups
22/09/2018

Construção Civil: um incentivo às startups

As dificuldades para implantar inovações em seus processos produtivos acenderam o alerta na Construção Civil no […]

Leia mais...